• (11) 2149-0300

Rede Construção Digital

Exponenciar a digitalização da construção

BASF, Cyrela, Deca, EZTEC, Gafisa, Intercement, MRV, Saint-Gobain, Samsung, Schneider e Thyssen Krupp são algumas das companhias que formam a Rede Construção Digital

 

Com o objetivo de promover a cultura de inovação tecnológica e a digitalização na construção civil brasileira, fabricantes, projetistas, incorporadores e construtoras se uniram em uma iniciativa inédita proposta pelo EnRedes. Em 2018, as maiores empresas do setor  ̶  entre elas BASF, Cyrela, Deca, EZTEC, Gafisa, Intercement, MRV, Saint-Gobain, Samsung, Schneider e Thyssen Krupp  ̶  passam a formar um núcleo de relacionamento, pesquisa e negócios chamado Rede Construção Digital.

Como parte da iniciativa, o grupo irá realizar pesquisas de mercado para identificar as lacunas de desenvolvimento digital do setor e analisar tanto cases globais como locais para disseminar soluções tecnológicas adequadas à realidade nacional. O primeiro encontro das empresas líderes aconteceu em 7 de fevereiro de 2018, quando Mauricio Benvenutti, sócio da StartSe, trouxe informações para um debate sobre as macrotendências tecnológicas no mundo, inspirando assim o início dos trabalhos da Rede.

De acordo com um estudo da Harvard Business Review, a construção civil é um dos setores produtivos que mais tem dificuldade para incorporar novas tecnologias.

“Nós pretendemos impulsionar a competitividade do setor, digitalizando os negócios das empresas que compõem a cadeia produtiva”, explica Roberto de Souza, presidente do CTE e idealizador da Rede Construção Digital. “Para isso, iremos promover o acesso dessas empresas às novas tecnologias e compartilhar experiências com fornecedores de soluções de TI, empresas projetistas, fabricantes, incorporadoras e construtoras”.

A Rede já iniciou um mapeamento das startups, brasileiras e do Vale do Silício, que estão desenvolvendo soluções para o setor da construção. O objetivo é que esse mapeamento possibilite a aplicabilidade e o acesso de empresas nacionais a novas soluções digitais para que elas possam desenvolver também novos modelos de negócios.

“O mundo empresarial está em mudança acelerada. Empresas consolidadas que não se adequarem à nova realidade digital estão em risco de desaparecer. O setor da construção ainda não conseguiu fazer parte dessa revolução digital”, avalia Souza. “Por isso, estamos reunindo os principais executivos do mercado e compartilhando informações e conhecimentos”.

Hoje, 33 empresas compõem a Rede Construção Digital, sendo indústrias de construção, incorporadoras e construtoras, projetistas e fornecedores de TI. A Rede ainda espera fazer uma pesquisa sobre o ‘estado digital’ das construtoras brasileiras e influenciar o governo na formulação de incentivos que favoreçam a digitalização do setor de construção civil.

Clique e veja a apresentação sobre os objetivos e agenda das estações de trabalho da Rede Construção Digital para 2018

 

Quem somos

Quem somos

Maurício Benvenutti

Fundador da StartSe

É muito gratificante poder contribuir com palestras que, certamente, irão refletir nos negócios das empresas da RCD, e trazer os avanços tecnológicos, que estão mudando a maneira diferente de se fazer business.

Lucile Charpentier

Diretora Marketing e Estratégia Digital da Saint-Gobain

O foco principal da Saint-Gobain é a inovação ao longo da cadeia de valor. Por isso, participar da RCD é muito importante, pois poderemos compartilhar expertises e necessidades do setor, assim como disponibilizar para seus membros as tecnologias que desenvolvemos em materiais para construção, por exemplo, que podem que trazer mais eficiência em suas edificações.

Ricardo França

Sócio-Diretor da França & Associados

O mundo digital pode melhorar a interação dos projetos, assim como a qualidade final das edificações. Participamos da RCD para interagirmos de maneira direta com a cadeia, encontrando e compartilhando soluções, pois esse é o caminho para mudar efetivamente.

João Azevedo

CEO da Even

Estamos na RCD para trazer a inquietação do business. As empresas precisam ser mais eficientes, e aqui teremos um desafio, no sentido de desenvolver e tornar as tecnologias mais acessíveis para o setor.

Ricardo Bianca de Melo

Especialista em AEC da Autodesk

A RCD é uma iniciativa espetacular, porque está olhando para o futuro da construção, que tem a ver com digitalização, modelagem da informação, melhoria de processos, tecnologias que estão criando rupturas no mercado. Todos nós aqui, membros da Rede, temos objetivos comuns: provocar uma mudança cultural na construção civil, para que seja mais eficiente.

Quer saber mais?

Inscreva-se para receber conteúdos sobre a Rede Construção Digital