veja nosso
último artigo

Inovação 30 de Setembro de 2020

Inovação na construção civil: tendências para o futuro

Leonardo Jacomini

Resumo do texto

  • A construção civil sempre buscou inovar com a busca de processos que garantam qualidade e agilidade;
  • A tecnologia é aliada nessa busca por novidades já que permite que a inteligência artificial aprenda com os humanos suas necessidades e colabore com o mercado;
  • Algumas tendências na construção já podem ser vistas em alguns canteiros de obras, outras ainda precisam de força para ganhar o mercado, mas prometem ser incorporadas levando em conta os benefícios.

O setor da construção civil está em constante busca de inovação, com ruptura de paradigmas e alterando processos para chegar a resultados cada vez melhores e mais eficientes. Alguns desses exemplos são a industrialização e o conceito de cidades e prédios inteligentes.

A tecnologia tem sido aliada nesse papel de inovar e buscar soluções diferentes para problemas antigos, ainda mais numa área de alta competitividade, onde não só as empresas, mas, profissionais as utilizam para se manter em evidência no mercado.

Surgiram grandes novidades, como modelos constitutivos, materiais e processos e preocupações com meio ambiente e humano. O que se pergunta é o que vem de novo e quais mudanças positivas podem agregar aos canteiros de obras.

Certamente tecnologias inovadoras estarão mais próximas de engenheiros, arquitetos e projetistas, afinal, é um ótimo meio para tomada de ações, facilita projetos mais complexos e otimiza a obra do começo ao fim com prevenção de falhas no menor tempo possível e correções durante a execução.

Então, se você faz parte desta área, trouxemos algumas informações importantes sobre inovação na construção civil, com o intuito de debater as melhores práticas que devem agregar ao trabalho de diversas pessoas e moldar o futuro do setor.

O que é inovação na construção civil?

Anos atrás o processo de uma obra era bem mais custoso, demorado e envolvia diversos fatores para que ela ficasse pronta. Ao passar do tempo o setor começou a olhar para dentro e mudar alguns processos para que o todo fosse melhorado. A industrialização, sustentabilidade, novos materiais, novos profissionais, demandas e mudanças no gerenciamento foram alguns pontos.

Inovar na construção civil é procurar novos desafios com a preocupação de trazer novas soluções, barateamento, agilidade, competitividade entre outros fatores que auxiliem no cumprimento dos objetivos da empresa.

Sempre falamos em tecnologia por aqui e sim, ela é uma grande aliada nesse processo de inovação da construção civil, mas não é a única. Inovar independe só de maquinário ou soluções tecnológicas, pois, pode ser organizacional, gerencial, produtos, etc. o importante mesmo é que venha para somar e ocupar o lugar de métodos obsoletos, geralmente com um toque de agilidade.

Entender como os resíduos de uma obra podem ser melhor descartados, pensar em espaços sustentáveis e usar sensores que otimizem uma obra são exemplos de inovação.

Tendências em inovações na construção civil

Nós falamos de futuro, mas muitas coisas que você vai ver aqui já são realidade no mundo, no Brasil também tem muita coisa nova acontecendo, mas é claro que o assunto precisa ser fomentado para que a sociedade conheça as inovações na construção civil, que muitas vezes pelo medo do investimento acabam deixando para depois.

Na verdade, o que a maioria não pensa é que esses investimentos se pagam em pouco tempo, primeiro pela economia que as mudanças têm como preocupação e depois por ser um grande atrativo de vendas.

1 - Biomimética

O que será que a gente tem a aprender com a natureza? Muito! É importante observar como ela se refaz em meio a cenários impossíveis e busca soluções interessantes. É justamente o que a Biomimética estuda, as estruturas biológicas e suas funções com o objetivo de aprender com a natureza.

E a construção civil tem muito a contar com a Biomimética, já que ela ensina como lidar com cenários divergentes e tomar decisões inteligentes em dada circunstância do projeto ou da execução de uma obra.

2 - Sistemas de construção

Outra inovação na construção civil que já é realidade no cotidiano de diversas construtoras são os sistemas de construção. O setor conhece bem o Computer Aided Design (CAD), mas apesar disso, o sistema Building Information Modeling (BIM) surgiu como grande inovação.

Quem constrói com o BIM sabe que ele é mais ágil e eficiente, já que promove a integração de diversas áreas em um só projeto, além de poder gerir toda a obra do começo ao fim remotamente com identificação de problemas, sem falar na gestão de materiais e projetos sustentáveis que ele auxilia.

Esse sistema marca uma inovação na construção civil. Empresas e profissionais que não aderirem, certamente vão perder espaço e visibilidade.

3 - Uso de drones nas obras

Pensa que drone é coisa atual? Pois bem, ele foi criado muito antes dos anos 2000 com o intuito de ser usado em missões militares. Hoje podemos ver esses pequenos e poderosos instrumentos em diversos lugares - até mesmo na construção civil.

O uso de drones a partir de suas câmeras e sensores especiais torna possível detectar falhas estruturais e até mesmo o mapeamento e acompanhamento de obras. Antes era necessário o uso da força humana e isso levava tempo, hoje esse processo ficou ágil e simplificado, tornando o uso de drones mais comuns em construções.

4 - Cidades inteligentes + edifícios inteligentes + IoT

Uma das inovações na construção civil que vem ganhando força são as cidades inteligentes. Basicamente, uma smart city conta com processamento de dados fornecidos pelas próprias pessoas baseado em necessidades e costumes diários. Essas informações são processadas e utilizadas para promover uma melhoria na qualidade de vida da população e consequentemente no aperfeiçoamento da cidade como um todo.

O conceito de smart building - traduzido do inglês edifício inteligente - traz todos esses benefícios da conectividade com processamento de dados para tornar um edifício inteligente, ou seja, que tenha um gerenciamento pensado no bem estar dos ocupantes e previsão/correção de falhas em tempo ágil, o que gera uma economia desde o projeto até na manutenção.

Já o IoT - traduzido do inglês internet das coisas - se refere à inteligência por meio da tecnologia em produtos e ferramentas do uso cotidiano. TVs, máquina de lavar, celulares, entre outros, podem se conectar com a vida das pessoas e entender necessidades e costumes. Isso pode ser interligado com o conceito de cidades inteligentes e promover uma verdadeira inovação no sentido de procurar o melhor para a vida nos grandes centros urbanos.

O conceito de cidades/edifícios inteligentes e internet das coisas devem ganhar mais espaço, sendo que a previsão é de que a população da área urbana cresça num ritmo acelerado sendo necessário pensar em bem-estar e sustentabilidade.

5 - materiais inovadores na construção civil

Desde o tipo de concreto até o material da tubulação de um prédio sofreram mudanças. O setor busca inovar em soluções cada vez melhores, duradouras e que também sejam mais viáveis. Alguns desses que prometem ser materiais inovadores na construção civil são:

  • Concreto de PVC
  • Bioconcreto
  • Steel Framing
  • Madeira Engenheirada
  • Madeira translúcida
  • Tijolos sustentáveis
  • Tijolo absorvedor de poluição
  • Hidrocerâmica
  • Concreto bioreceptivo
  • Contrapiso autonivelante
  • Espuma de alumínio

6 - Construções verdes

A sustentabilidade tem sido uma conversa importante nas construtoras, primeiro que é um bem necessário para a continuidade da vida humana e permite que a natureza se recomponha, depois, vem o fator em que os próprios clientes estão exigindo este tipo de construção. 

Além de benefício para a parte ambiental, foi colocado em discussão que espaços sustentáveis produzem um efeito no aumento da produtividade humana. Ou seja, em uma empresa por exemplo, os colaboradores tendem a se sentirem mais estimulados.

7 - Industrialização da construção

Prazos de entrega ficaram mais fáceis de serem cumpridos e as obras ganham cada vez mais agilidade. Quem nunca se deparou com um canteiro de obras que mal começou e já tem um grande prédio erguido?

Isso acontece graças a industrialização da construção. São construções modulares e pré-fabricas que saem prontas da fábrica, vão direto para a obra e são literalmente montadas. O grande diferencial é que elas podem ser fabricadas no formato certo com alta precisão e não dependem de grande mão de obra para a montagem.

8 - Impressão 3D

Sem dúvidas a impressão 3D é uma grande inovação na construção civil e na sociedade também. Com grandes benefícios para o setor, um deles é poder imprimir peças modulares, seja em fábricas ou mesmo na obra. Além de ser um auxiliador na questão da agilidade, a impressão 3D em obras ajuda a eliminar o desperdício de materiais, tornando-a sustentável.

Vale ressaltar a ação das construtechs, startups que atuam na construção civil. Elas sabem lidar com a tecnologia melhor do que muitas empresas consolidadas e que apresentam menor custo de produção a partir do serviço terceirizado.

 9 - Realidade virtual

A realidade virtual é uma promessa para o futuro na construção civil. Ela auxilia em diversas fases de uma obra, como por exemplo, a nova forma de visitar um decorado. Por sua possibilidade de recursos gráficos 3D em 360º é possível visualizar uma prévia do imóvel a ser adquirido.

Além disso, a realidade virtual pode ajudar projetistas e arquitetos no design e engenheiros enxergarem a obra de uma outra forma, em escalas diferentes.

 

A realidade é que a Inovação na construção civil é um assunto que deve mexer constantemente com o setor. Aqueles que querem se manter presentes no mercado, atraindo mais o público, devem estar presente e consumindo essas novidades.

Ainda o assunto é pouco discutido na cadeia da construção, por isso as alternativas estão em inserir o assunto para equipes de trabalho, deixar a competição de lado e trocar experiência com profissionais. É isso que o enredes procura, fomentar discussões que agregam valor a empresas e profissionais da construção civil.