• (11) 2149-0300
Tecnologia 7 de Agosto de 2019

Big Data Analytics: ferramenta ainda é pouco utilizada pelas construtoras brasileiras

Tecnologia aumenta eficiência e garante mais resultados para as empresas.

Saber lidar com o digital se tornou uma exigência para a indústria. O Big Data Analytics, por exemplo, deixou de ser um termo apenas para quem trabalha diretamente com tecnologia. Hoje, ele é um fenômeno que veio para ficar e tem impactado diversos setores do mercado, permitindo que as organizações entendam mais a fundo sobre seus clientes, projetos e tomem decisões corretas sobre o seu negócio.

Entretanto, essa ferramenta ainda é pouco utilizada na construção civil. É o que aponta um mapeamento realizado pelo CTE/e enredes pela Rede Construção Digital (RCD) em parceria com a Quorum Brasil. Segundo a pesquisa, que identificou o grau de digitalização nas 500 maiores empresas do setor no país, 51% conhecem ou já ouviram falar sobre Big Data, porém apenas 10% adotaram essa tecnologia. Em relação às construtoras, 37% conhecem a ferramenta, mas só 8% a utilizam.

É importante ressaltar que o real impacto do Big Data Analytics não está relacionado à quantidade de dados gerados, mas sim ao que as empresas fazem com eles. No campo da construção civil, a partir da análise das informações coletadas, as construtoras podem desenvolver um novo modelo de negócio, mais econômico, eficiente e assertivo, sendo capazes de prever e simular os resultados de determinadas escolhas. É possível, por exemplo, estipular o impacto no orçamento e o tempo de conclusão da obra ao substituir determinado material ou procedimento.

Entre diversas possibilidades, o Big Data também pode ser analisado para direcionar novos projetos, identificar padrões e probabilidades de riscos, determinar fases e atividades de construção com precisão, monitorar níveis de desempenho, além de medir a satisfação dos clientes, identificar seus hábitos de consumo, estabelecer planos estratégicos e aumentar o lucro de forma significativa.

As diferentes tecnologias como Big Data, robótica, softwares BIM (Building Information Model) estão cada vez mais presentes e estão mudando o cenário da gestão no mundo em diversos setores. Na construção civil não pode ser diferente. Participar desse movimento de digitalização não é algo simples, mas crucial para a garantia de resultados e desenvolvimento do setor.